.links
.posts recentes

. Sobre a autora

.tags

. a busca

. a revelação

. autora

. aventura

. biografia

. canções

. comunicado

. concurso

. curiosidades

. documento

. entrevista

. evento

. excertos

. fantasia

. fenómeno

. fotos

. idhún

. imprensa

. lançamento

. laura garcia

. literatura fantástica

. livros

. memória de idhún

. memórias

. memórias idhún

. mundo idhún

. notícias

. o despertar

. o destino

. passatempo

. personagens

. prémios

. sinopse

. trailer

. trechos

. trilogia

. todas as tags

.arquivos

. Junho 2008

. Fevereiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Abril 2007

.subscrever feeds
blogs SAPO
Free Hit Counters
Free Counter
Quarta-feira, 4 de Abril de 2007
Sobre a autora

Laura Gallego García (Quart de Poblet, Valência, 11 de Outubro de 1977) começou a escrever aos 11 anos com uma amiga aquele que seria o seu primeiro livro não publicado. Aos 21 anos, enquanto frequentava o curso de Filologia Hispânica, escreveu Finis Mundi, ao qual foi atribuído o primeiro prémio do concurso Barco de Vapor da editora SM. Contudo, só mais tarde veio a conhecer o sucesso com Crónicas de la Torre.

Em 2004 iniciou a sua segunda trilogia, intitulada Memórias de Idhún, que veio a concluir em 2006, atingindo de imediato o topo das listas no universo dos livros mais vendidos. Pode dizer-se que com Memórias de Idhún, Laura Gallego García conquistou um lugar bem merecido no panorama actual dos mundos fantásticos.

Na sua narrativa, particularmente em Idhún, o tema amoroso é tão ou mais importante que o fantástico, facto que a diferencia claramente do modelo de Tolkien: as personagens expressam sem cessar os seus sentimentos, dúvidas, receios e decepções, e regra geral guiam-se mais por eles do que por outros conceitos como a honra ou o dever. Desta forma, a reflexão sobre si próprio ocupa mais espaço nos diálogos e nos pensamentos, facto favorecido pela decisão de empregar um apaixonado triângulo amoroso dentro do qual Victoria se sente irremediavelmente atraída por duas personagens opostas e incompatíveis.

Actualmente encontra-se a fazer o doutoramento sobre o romance de cavalaria Belianís de Grecia de Jerónimo Fernández, publicado em 1579.


publicado por memoriasidhun às 11:45
link do post | comentar | favorito